A melhoria contínua aplicada à gestão de processos logísticos: Gestamp Aveiro

Daniela Filipa Gomes Simões

Resumo


O presente artigo incide sobre um conjunto de propostas de melhoria na eliminação de
desperdícios e no processo comunicacional entre os trabalhadores da Gestamp, onde a autora do
mesmo realizou o seu Estágio Curricular no âmbito do Mestrado em Línguas e Relações Empresariais
da Universidade de Aveiro. As propostas feitas baseiam-se nas metodologias afetas aos conceitos Kaizen
e Lean, mormente no que concerne à sua aplicação a atividades de logística. Foi ainda apresentada uma
sugestão de melhoria inspirada no conceito Andon, que recorre à utilização de quadros informativos
como forma a aperfeiçoar o processo de comunicação entre armazém logístico e escritório.


Palavras-chave


logística; melhoria contínua; Kaizen; Lean; Andon

Texto Completo:

PDF

Referências


Almeida, F./ Silva, A./ Franco, M./ Brito , P./ Freitas, C. (2013), Gestão da Informação, Inovação e Logística. Goiânia: Faculdade de Tecnologia SENAI de Desenvolvimento Gerencial.

Art of Lean, Inc. [s.d.], Toyota Production System Basic Handbook. URL: http://www.artoflean.com/files/Basic_TPS_Handbook_v1.pdf. [Acesso em 10 de março de 2015].

Balou, H. (2004), Business Logistics/Supply Chain Management: Planning, Organizing and Controling the Supply Chain. Upper Saddle River: Pearson/ Prentice Hall.

Carvalho, J. C. (2010), Logística e Gestão da Cadeia de Abastecimento. Lisboa: Edições Sílabo.

Donnelly Jr./ James, H. Administração: Princípios de Gestão Empresarial. Lisboa: McGraw-Hill.

Greenfield, R. (2009), Desenvolvimento de um Sistema Andon para Sistemas de Produção Lean. Dissertação de Mestrado. Porto: Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

Grusenmeyer, D. (2003), Developing Effective Standard Operating Procedures. Cornell University. URL: https://ecommons.cornell.edu/bitstream/handle/1813/36910/sopsdir.pdf?sequence=1. [Acesso em 6 de março de 2015].

Guedes, C./ Mozzilo, I. (2014), «Tradução de marcadores culturais em textos técnicos: a função do texto e o papel do tradutor no contacto entre línguas e culturas», Scientia Traductionis, Rio de Janeiro, n.º 15, p. 279-292.

Hann, M. (1992), The Key to Technical Translation. Filadelphia: John Benjamins Publishing Co.

Kaizen Institute (2015), O que é Kaizen?. URL: https://pt.kaizen.com/quemsomos/significado-de-kaizen.html. [Acesso em 20 de março de 2015].

Krafcik, J. (1988), «Triumph of the Lean Production System», Sloan Management Review, vol. 30 (1), p. 40-52.

Larman, C./ Vode, B. (2013), Lean Primer. URL: http://www.leanprimer.com/downloads/lean_primer.pdf. [Acesso em 8 de março de 2015].

Lean Enterprise Institute (2015), Principles of Lean. URL: http://www.lean.org/WhatsLean/Principles.cfm. [Acesso em 10 de março de 2015].

Liker, J./ Meier, D. (2009), ANDON: Gestão à Vista. URL: http://engenhariadeproducaoindustrial.blogspot.pt/2009/07/andon-gestao-vista.html. [Acesso em 24 de março de 2015].

Manea, D. (2013), «Lean Production: Concept and Benefits», Review of General Management, vol. 17 (1), p. 164-171.

Moreira, S. (2011), Aplicação das Ferramentas Lean: Caso de Estudo. Dissertação de Mestrado. Lisboa: Instituto Superior de Engenharia de Lisboa.

Moura, B. (2006), Logística: Conceitos e Tendências. Vila Nova de Famalicão: Centro Atlântico.

Pagonis, G. (1992), Moving Mountains: Lessons in Leadership and Logistics from the Gulf War. Boston: Harvard Business School.

Purwanto, J. (2013), «The Relationship between Price, Lead Time, and Delay toward the Order Quantity in Steel Manufacturer», Universal Journal of Industrial and Business Management, vol. 1(1), p. 1-7.

Quirke, B. (2008), Making the Connections: Using Internal Communication to Turn Strategy into Action. England: Gower Publishing.

Simões, D. (2015), A Melhoria Contínua Aplicada à Gestão de Processos Logísticos. Relatório de Mestrado. Aveiro: Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro.

Tachi zawa , T. / Paradela , V. / Alfredo , A. (2001), Gestão com Pessoas – Uma Abordagem Aplicada às Estratégias de Negócios. Rio de Janeiro: Editora FGV.

Taylor, F. (1911), Shop Management. NewYork/ London: Harper and Brothers Publishers.

Van, F. (2008), Manuais Organizacionais: Instrumentos de Gestão e Competitividade. URL: http://www.administradores.com.br/artigos/negocios/manuaisorganizacionais-instrumentos-de-gestao-e-competitividade/26070/. [Acesso

em 6 de março de 2015].

Womack, J./ Jones, D./ Ros, D. (1991), The Machine that Changed the World. New York: HarperCollins.

Zidel, T. (2006), A Lean Guide to Transforming Healthcare: How to Implement Lean Principles in Hospitals, Medical Offices, Clinics, and Other Healthcare Organizations. EUA: ASQ Quality Press.