Processos de museologia e patrimonialização dos bombos de Lavacolhos: a Casa do Bombo de Lavacolhos

Karla Regina Bach de Andrade

Resumo


Este artigo insere-se no âmbito do doutoramento em Etnomusicologia que estou a
desenvolver na Universidade de Aveiro. O estudo centra-se no processo de musealização do
bombo que vem a ocorrer em Lavacolhos desde 2009 e resulta de trabalho de campo que
desenvolvi nessa localidade entre 2012 e 2014. Lavacolhos é uma freguesia do concelho do
Fundão que, segundo o Instituto Nacional de Estatística, conta com 236 habitantes cuja ocupação
principal é a agricultura ou a prestação de serviços (INE 2011). O presente estudo permitiu
concluir que ocorrem conflitos entre as políticas de preservação promovidas pelas autarquias e os
interesses dos detentores da tradição dos bombos.


Palavras-chave


bombos; Casa do Bombo; Lavacolhos; patrimonialização; musealização

Texto Completo:

PDF

Referências


Gravito, Carlos (2005) Os Betórias. Coimbra e Castelo Branco: Alma Azul.

Kirshenblatt-Gimblett, Barbara (1998) Destination Culture: Tourism, Museums, and Heritage. Berkeley and Los Angeles: University of California Press.

Sanchis, Pierre (1992) [1983] Arraial: Festa de um Povo: as romarias portuguesas. Lisboa: Publicações Dom Quixote.




Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.