A criação de identidade visual com foco na inclusão social e valorização da cultura através da coletividade

Adilson Gonzales de Oliveira Junior, Cassia L. Carrara Domiciano

Resumo


Este artigo evidencia as possibilidades de inclusão social apresentadas por
metodologias colaborativas aplicadas a projetos de Identidade Visual que
valorizem a coletividade e cultura de um povo ou local. Para isso, foi feito um
levantamento teórico com objetivo de apresentar os desafios atuais do design,
bem como as metodologias que valorizam o ser humano e são desenvolvidas
de forma coletiva para que possam oferecer soluções socialmente inclusivas.
Tendo como referência o projeto de identidade visual desenvolvido para cidade
do Porto (Portugal), constatou-se que é possível, através do design, alcançar
resultados que sejam socialmente inclusivos, que valorizem a cultura e criem
um senso de pertencimentocoletivo.


Palavras-chave


design social; design colaborativo; identidade visual

Texto Completo:

PDF

Referências


BONSIEPE, Gui. Design, cultura e sociedade. São Paulo: Blucher, 2011.

BROWN, Tim. Design thinking: uma metodologia poderosa para decretar o fim das velhas ideias. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.

CARDOSO, Rafael. Design para um mundo complexo. São Paulo: Cosac Naify, 2013.

COUTO, Ana. A nova era das marcas. Rio de Janeiro: Ana Couto Branding, 2015. Disponível na internet por http em: < http://www.anacouto.com.br/a-nova-era-das-marcas/>. Acesso em 15 maio 2016.

GOBÉ, Marc. Brandjam: o design emocional na humanização das marcas. Rio de Janeiro: Rocco, 2010.

LEMOS, Roselie de Faria; FRISONI, Bianka Cappucci; TUROSSI, José Sonei (orgs.). Bienal brasileira de design: Design para todos. São Paulo: Blucher, 2015.

STUDIO, White. New identity for the city of Porto. Porto: Behance, 2014. Disponível na internet por http em: < https://www.behance.net/gallery/20315389/New-identity-for-the-city-of-Porto>. Acesso em 10 maio 2016.