Introdução da Educação a Distância no contexto do ISCED-Huíla (Angola)

Yola Filomena Ferreira Marinheiro, Fernando Ramos

Resumo


Este estudo teve como finalidade identificar o potencial e averiguar os principais problemas da introdução da educação a distância no Instituto Superior de Ciências de Educação da Huíla, em Angola, tendo em atenção as principais vertentes desta problemática: institucional, pedagógica, tecnológica e operacional. No enquadramento teórico, procuramos sistematizar a relevância do conceito de educação a distância no contexto do ensino superior em África, tendo como foco principal Angola. Do ponto de vista metodológico foram adotados dois procedimentos: o “Estudo de Caso”, uma vez que pretendíamos diagnosticar o estado atual da educação a distância no Instituto Superior de Ciências da Educação da Huíla; e a “Investigação-ação”, dada a ambição de propor uma oferta educativa na modalidade de educação a distância que permitisse compreender, no terreno, de que forma esta modalidade seria aceite pela instituição e pelos estudantes. De uma forma global, chegamos à conclusão que há necessidade da instituição definir políticas e responsabilidades em relação à modalidade de educação a distância. Com base nos resultados alcançados perspetiva-se a criação de estratégias para o desenvolvimento da educação a distância nesta instituição, tendo em conta a formação dos docentes e estudantes, condições tecnológicas e a construção de infraestruturas de comunicação que possibilitem a implementação da educação a distância com suporte das TIC.


Texto Completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Indagatio Didactica | ISSN: 1647-3582

Indexada em
: CAPES/QUALIS (categoria ENSINO, B2 (2015) || RCAAP
Avaliada com o factor de impacto SJIF 2016 = 5.079


Este trabalho é financiado por Fundos Nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto UID/CED/00194/2013.