Estratégias de aprendizagens ativas em estudantes de Enfermagem: Aprendizagem cooperativa e resolução de problemas

Ana-Bela Jesus Roldão Caetano

Resumo


Estratégias específicas de aprendizagem ativa – aprendizagem cooperativa e resolução de problemas – foram aplicadas a 20 estudantes do 3º ano do curso de Licenciatura em Enfermagem, na unidade curricular de Enfermagem de Saúde Materna e Obstétrica. A resolução de problemas segue 4 etapas: definição do problema; apresentação de alternativas; seleção de alternativas e implementação de soluções. Neste contexto foram formuladas duas situações problema, onde os estudantes procuraram alternativas, selecionaram as mais adequadas, discutindo-as até chegarem a um consenso. A aprendizagem cooperativa assenta em cinco pilares, seguidos durante a resolução das situações problema: interdependência positiva; responsabilidade individual; interação presencial; uso apropriado de competências interpessoais/sociais e autoavaliação. Os estudantes foram organizados em grupos de 3, tendo sido atribuído um papel a cada estudante, seguindo as ‘normas’ da aprendizagem cooperativa. Ambas as estratégias foram utilizadas para comprovar a eficácia no envolvimento e contribuição no sucesso comum, enquanto grupo. No final da sessão foi aplicado um questionário, tendo sido solicitado aos estudantes o relato de pontos fortes e fracos do uso das estratégias pedagógicas mencionadas. 55% dos estudantes referiram a aprendizagem cooperativa como extremamente importante para a sua aprendizagem e 45% consideraram-na muito importante. Quanto à resolução de problemas, 35% referiram-na como extremamente importante, enquanto 65% consideraram-na muito importante. Como pontos fortes, os estudantes elencaram o estímulo do pensamento crítico e reflexão. Finalmente, como pontos menos fortes, foi identificado o pouco tempo para o uso destas estratégias.


Texto Completo:

PDF


Indexada em: CAPES/QUALIS (categoria ENSINO, B2 (2015) || RCAAP 

Avaliada com o factor de impacto SJIF 2016 = 5.079


FCT Departamento de Educação e Psicologia da Universidade de Aveiro Centro de Investigação em Didática e Tecnologia na Formação de Formadores